Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quiosque da Joana

29.12.17

esqueci-me do telemóvel...

Joana Marques

Os meus 36 anos, não parecem 36 anos.

No fundo parece que tenho 80. Não de aspeto. Mas de alma.

Há certas coisas que não me consigo adaptar.

Certas regras que não quebro.

E nem é porque não consigo. É mesmo porque não quero.

 

Mal cheguei a Portugal, espalhou-se a notícia que tinha voltado.

A equipa com a qual trabalhava e que chegou a ser de 34 pessoas. Está agora reduzida a 10.

Fruto de uma privatização a meu ver mal pensada. Uma equipa de pessoas competentes foi desmembrada e já não existe mais.

A parte mais lucrativa do negócio foi enviada para França. Tal como os melhores dos melhores.

Os meus ex colegas portugueses estavam fartinhos de me convidar para ir jantar.

Só que com a perna partida e dores de bradar aos céus. Fui recusando. E eles foram adiando.

Depois apareceu a varicela. Pior ainda. Não podia andar por aí a passear-me e a contagiar as pessoas. Adiámos outra vez.

 

Queria mesmo revê-los. E por isso quando marcaram para ontem, aceitei.

Tenho a Alice, agora. E estas saídas começam a ser muito ponderadas.

Mas como estou em casa dos meus pais ficou em boas mãos.

E quando saí já tinha adormecido. E nem deu conta que não estive.

 

Combinámos aqui no Estoril. E à hora marcada lá estava.

15 pessoas. Alguns ainda pertencem à equipa outros como eu saíram.

Cumprimentos da praxe.

 

Entradas. Toda a gente tira o telemóvel. E toca de tirar fotografia.

Telemóvel, telemóvel, telemóvel. Uma ex colega minha tinha uma máquina fotográfica. E outro um Ipad.

Eu comi a entrada.

 

Prato principal. Telemóvel. Fotografias.

Selfies. Partilha.

Já eu ia a meio e continuava a sessão fotográfica.

Devo ter sido apanhada de boca cheia uma quantidade de vezes.

Fui ali para jantar e para conversar. Já que não podia conversar. Pelo menos comia.

 

Sobremesa. Telemóvel. Máquina fotográfica. Ipad. Fotografias. Partilhas.

Alguém comenta. Respondem ao comentário.

Tiram fotos ao grupo. Partilham.

Eu comi a sobremesa.

 

Devo ter sido a única que apreciei a comida. Como deve ser.

Comeram os pratos já frios e sem grande graça.

 

Ao redor. Casais a jantar. Cada um agarrado ao seu telemóvel.

Outros grupos a fazer o mesmo que o meu...

Estou velha?

Inadaptada?

Num restaurante come-se, convive-se e de certa forma partilha-se com quem partilha o mesmo espaço. Ou estou completamente errada?

A verdade é que não quero mudar. Serei a velha do Restelo se tiver de ser....

 

Despedi-me. Saí antes de todos. Porque estava a ficar com urticária nervosa...

- Já vais? Fica mais um pouco...

- Não posso. Esqueci-me do telemóvel...

 

Fizeram uma cara de horror...

E toda a gente percebeu....que era um motivo válido para me ir embora...

....se possível depressa..

 

46 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Joana Marques

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D