Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quiosque da Joana

26.11.17

Por favor! Evitem partir pernas...

Joana Marques

A sério.

Tenham cuidado. E não facilitem.

Não acontece só aos outros.

Aconteceu-me a mim. E não estou a gostar. Nada.

As dores são horríveis. Sobretudo, porque só comecei a repousar há menos de uma hora.

Ainda estou a tentar perceber como é que vou encaixar a falta de mobilidade na minha vida.

Mas vou conseguir. Porque conseguimos tudo, na verdade.

 

Já cheguei a Portugal.

Mal saí do avião. Uma temperatura amena convidava ao passeio.

Lembrei-me que tinha uma perna partida e desisti da ideia.

Mas.....

....fiz um choradinho aos meus pais e levaram-me a Belém.

Antes de ficar aprisionada em repouso queria ter um mimo diferente.

Como aquelas pessoas que estão no corredor da morte. E pedem uma última refeição.

E onde fui?

Aqui.

pasteidebelem.jpg

E não. Não cheguei a Portugal para esquecer a dieta e começar a comer que nem uma selvagem.

Foi um delito pequeno.

De quem teve um azar ontem e precisa de um ânimo extra.

 

Depois passei pelo hospital. Onde trabalha o meu tio.

Só para ter a certeza que estava tudo no sítio.

Está.

30 dias de gesso. Um pouco mais porque calha no Natal. 26 de Dezembro.

Repousar o mais possível. E em principio não haverá sequelas.

Perónio, sem problemas. Atenção especial à tíbia. A probabilidade de correr mal é maior...

Ainda tive de fazer um exame qualquer que o meu tio achou necessário.

Porque achou que se dois ossos partiram, sobretudo a tíbia que é um osso muito resistente, podia ter alguma fragilidade óssea. Importante a ser detetada.

Está tudo bem.

Tenho uns ossos maravilhosos tal como eu lhe disse, antes de fazer o exame.

- Como é que foi a queda?

É a pergunta que tenho respondido mais vezes.

- Foi uma queda como deve ser....

Respondo eu.

 

Depois foi a minha vez de fazer perguntas.

Correr?

O médico olhou para mim com cara de:

- Estás parva?? Não aprendeste nada de nada...

Claro que aprendi...Nunca mais voltar a correr com uma japonesa, australiana...

Vou ter de ter paciência. Poderei voltar. Não se sabe bem quando.

 

Aqui estou. No meu quartinho, em casa dos meus pais.

Aqui ficarei no próximos tempos....

A propósito, ainda falta muito para 26 de Dezembro??

 

31 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Joana Marques

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D