Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quiosque da Joana

handmade life

Quiosque da Joana

handmade life

12
Jul17

um dia destes. Quem sabe....

Joana Marques

Tinha 4 anos.

O meu tio perguntou-me o que queria ser quando fosse grande. 

Respondi com um ar de "tenho a certeza absoluta" que vou ser:

- Padeira.

- Padeira?

- Sim, padeira.

O meu tio riu-se, o meu pai riu-se, a minha mãe não achou graça.

Sei esta história pela minha família, não me lembro deste episódio.

 

É claro que fui crescendo e à medida que o tempo passou fui querendo ser muitas outras coisas.

 

Estava no nono ano e fiz, juntamente com a minha turma, testes vocacionais.

O mais extraordinário é que o resultado do meu teste foi diferente do de toda a gente.

Os meus colegas tinham uma área ou vocação muito forte. E tudo o resto a meio da tabela.

O meu não. Tinha muitas áreas onde "supostamente" era muito forte.

E depois lá muito, muito, muito para baixo.

Na terra de ninguém.

"Joana, por amor da Santa está quieta ou o mundo corre perigo". Mecânica.

 

A Diretora de Turma notificou os pais e deu a conhecer os resultados.

A minha mãe comparou os meus resultados com os de alguns colegas e achou que estavam errados.

Economia, Direito, Área de Saúde, Artes....enfim tudo. Excepto, mecânica...

-João, isto deve estar mal. Como é possível? A Joana não tem jeito para nada???

- Para alguma coisa deve ter.

- Para tantas áreas?? Ou foi engano ou não levou a sério os testes. Joana, fizeste os testes com cabeça?? Ou foi ao calhas??

- Claro que fiz!

- Não é possível...há aqui qualquer coisa errada...

 

Acabei num consultório de um psicólogo chatíssimo, primo de uma amiga da minha mãe.

Lá para os lados da Avenida de Roma.

As vezes que eu corri para lá.

Quase me fez enveredar pela carreira de homicida....

 

E para quê?

Os resultados foram exatamente iguais.

Mecânica, não. Não toques em mecânica.... E o mundo é um lugar belíssimo...

 

Acabei a escolher economia no secundário.

E porquê?

Para não me separar do meu melhor amigo. Se não fosse ele, provavelmente teria ido para artes.

 

Quando o secundário terminou.

Acabei por escolher gestão.

Muito por influência do meu pai que também é gestor.

Pensando bem, acho que só por influência dele, mesmo.

 

A verdade é que a licenciatura me fez bem.

Não gostei, é certo. Demasiados assuntos terrenos para mim.

Mas precisava disso na minha vida.

Tenho uma capacidade incrível para voar. Deixar o pensamento ir.....

...em dias maus, posso não voar mas mesmo assim passo dia a planar....baixinho que seja..

A minha profissão faz-me aterrar. E se estiver em terra 8 horas por dia já não é nada mau...

 

Quem me conhece fica de pé atrás quando percebe que sou gestora.

- Gestora? E o que geres tu?? Nem o guarda roupa da barbie te confiava...

Deve ser pelo meu aspeto. Ou pela idade... Digo eu...

....depois habituam-se.

 

Profissionalismo.

Costuma falar por si.

Pelo menos na maioria dos casos resolve as desconfianças...

Nunca deixo nada ao acaso.

Controlo tudo o que posso e tento controlar o que não posso.

A minha profissão pode não ser daquelas que salvam vidas.

Mas tem influência na vida de muita gente. Uma má decisão e.....

Às vezes é muito angustiante...mesmo, mesmo angustiante.

 

Escolhi.

Arrependi-me, alguma vez?

Não, propriamente.

Muitas vezes penso que me tenho de reinventar.

Que já não quero mais.

Que posso fazer melhor.

Posso fazer outra coisa qualquer. Se calhar não....mas às vezes acho que sim.

A vantagem é que é uma profissão tão abrangente.

Que se adapta a tudo.

 

Se um dia quiser mudar.

Mesmo, mudar.

Sei que o vou fazer....

...mas jamais deixarei de ser gestora...

...porque tudo é melhor bem gerido. E bem planeado.

Incluindo a vida!

 

E o que que esperamos nós da vida...

.....é o mesmo que ela espera de nós?

Um dia destes quem sabe....

...se as vontades se juntam....um dia destes....

quiosque35.jpg

23 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Um grupo no facebook para quem gosta de crafts!

  •  
  • Sigam-me

    Instagram

    Comentários recentes

    Arquivo

    Mensagens

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.