Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kiosk da Joana

Kiosk da Joana

a moeda de troca...

08.07.19, Joana Marques

A Alice adora animais.

Dos mais vulgares aos mais estranhos, tudo o que vem à rede é peixe e todos recebem uma atenção especial da miúda.

Vou-lhe dizendo que não deve andar a distribuir festas a todos. Alguns não gostam muito.

Por exemplo alguns lagartos estranhos que aparecem por aqui. 

Aranhas.

Escaravelhos de todas as raças.

Os gatos também têm a sua palavra a dizer no que diz respeito às festas.

Explico-lhe que o Vasco e a Gabi vivem connosco e são nossos amigos mas os outros não nos conhecem e nem sempre reagem de maneira calorosa.

 

Ontem, fomos ver pinguins. Pela última vez.

A Alice estava extasiada com os ditos.

Os ditos agem como se fizéssemos parte da mobília deles e não nos estranham.

Lá andam nas vidinhas deles. Para aqui e para acolá.

Quisemos voltar para casa...

...mas quem diz que a Alice arredava pé.

- Minguins. Minguins. Oh! Mamã, o minguim....

Começou a ameaçar fazer birra.

- Eu quero um minguim. 

- Não pode ser. Anda lá...

- EU QUERO um minguim...eu quero um minguim. Eu quero um minguim. 

 

Sentei-me com ela ao meu colo e disse-lhe:

- Não pode ser, já viste, Alice. Se ele viesse connosco, a mãe dele ia ficar muito triste...ia ter muitas saudades. Tal e qual como eu tenho quando tu não estás comigo.

 

Ela olhou para mim. E ficou conformada. A birra ficou por ali...

....mas aquela cabeça borbulhou uma solução.

 

De repente puxou-me a saia. E disse-me:

- Oh! Mamã! Dá a Maiana...

Eu não percebi logo. O meu cérebro deve ter chutado para canto esta informação...

Percebi um segundo depois. 

 

E não. Não trocámos a Mariana por um pinguim...

...fica para a próxima.

 

14 comentários

Comentar post