Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quiosque da Joana

Quiosque da Joana

o amor deve ser SEMPRE recompensado!

09.08.19, Joana Marques

5h30 da manhã.

Todos os dias. A hora certa para eu acordar.

O Pedro entre sonos e sonhos bem tenta segurar-me de alguma forma mas tornei-me perita em esgueirar-me sem ele perceber.

Mal saio da cama vou espreitar as miúdas. Sempre acompanhada pelo Vasco.

Faço o pequeno almoço.

Como.

Preparo os pequenos almoços das pessoas aqui de casa.

Em dias de mais inspiração faço um bolo e tomo banho enquanto está no forno.

A Mariana acorda entre as 7h e as 7h30 e a Alice um pouco depois.

O último a acordar aqui em casa é o Pedro. Porque está de férias...e adora dormir!

 

A Gabi normalmente dorme no sofá do escritório.

Não é uma assoalhada frequentada pelo Vasco a não ser que eu lá esteja.

Acorda quando o Pedro acorda.

Aparece para dar os bons dias ao seu humano preferido.

É raro vê-la logo de manhã.

Encho as taças de comida dos dois mas o sono fala mais alto.

 

Hoje foi uma excepção.

Apareceu. Visitou o Pedro no quarto. E depois apareceu na cozinha...

Eram 6h15 da manhã e eu estava preparada para o meu passeio matinal.

Quando não estava grávida corria. Agora que estou grávida aproveito para caminhar.

O Vasco faz o sacrifício e acompanha-me. A Gabi hoje, também!

 

Como era muito cedo, quase não se via gente na rua.

Fui caminhar junto à praia.

De regresso a casa, deviam ser perto das 7 horas da manhã estava um casal mais ou menos da idade dos meus pais. Sentados.

O senhor viu-me passar com os cães e fez-lhe festas.

Grande erro!

É tudo nosso, pensou a Gabi e pôs logo as patas no colo do senhor.

O senhor continuou a fazer-lhe festas e perguntou-me o nome.

É tudo nosso, pensou a Gabi, deu um pulo e sentou-se ao colo do senhor.

É tudo nosso, pensou o Vasco e encostou-se ao senhor e cheirou-lhe uma orelha.

O senhor deve ter sentido e virou-se.

É tudo nosso, pensou o Vasco e deu um beijo na boca, daqueles cheios de molhanga e com uma língua de meio metro.

O senhor foi apanhado de surpresa e começou-se a rir.

É tudo nosso, pensou a Gabi e começou a beijocar o senhor do lado oposto ao Vasco.

A mulher do senhor chorava a rir. 

Eu, bem puxava a trela e chamava pelos cães antes que alguém os prendesse por atentado ao pudor....

O senhor pediu à mulher para lhe tirar uma foto enquanto recebia aquele banho de amor...

 

Regressei. A casa.

Dei-lhes um biscoito extra...o amor deve ser SEMPRE recompensado!

 

Há três anos no Quiosque!

Foi destaque no sapo.

Até essa altura nunca tinha tido tantas visualizações. Tive mesmo muitas.

É um dos posts mais lidos de sempre no blog.

Todos os dias é lido sobretudo no Brasil (não sei bem porquê...alguma partilha feita, talvez!)

Chama-se desabafos de uma mulher solteira e é sobre a minha solteirice crónica da época. 

Mal eu sabia...que um dia iria ao médico...e pimba!

 

 

Há dois anos no Quiosque!

O melhor ovo kinder...não é bem um ovo kinder!

 

Há um ano no Kiosk!

Para ser feliz...é preciso uma vida sem grande bagagem..

 

Instagram

Facebook

handmade life

Bloglovin

15 comentários

Comentar post