Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quiosque da Joana

Quiosque da Joana

pisem-no. Com cuidado!

09.02.18, Joana Marques

A minha irmã é designer de interiores.

Quando, aos 17 anos disse em casa que queria seguir esta área. O meu pai achou que nunca em tempo algum iria ter emprego.

Lá tirou a licenciatura e com uma colega de faculdade abriram uma empresa.

A empresa teve sempre trabalho.

Entretanto a minha irmã teve 3 filhos e nem sempre acompanhou a empresa e os projetos como a colega.

Não veio mal ao mundo. Em algumas fases a minha irmã ficou em casa. Noutras trabalhou em casa.

Ás vezes pegava apenas em pequenas coisas.

As duas entendiam-se muito bem. E tudo correu bem.

 

Só que..

A sócia da minha irmã divorciou-se.

E o marido tinha também parte da empresa.

Não chegaram a acordo. Nunca.

A coisa ficou feia.

Ainda tentaram vender a parte deles à minha irmã. Mas não aceitou. Não era a mesma coisa.

Uma outra colega da minha irmã ainda falou com a minha irmã. No sentido das duas serem sócias.

A minha irmã não quis.

A empresa acabou vendida a esta terceira pessoa.

E fechou passados 6 meses.

 

A minha irmã com uma agenda cheia de contactos continuou a trabalhar.

E nunca parou.

É feliz no que faz.

Tem atelier em casa. Permite-lhe acompanhar os filhos mais de perto.

Trabalha ao ritmo dela.

Está com um projeto muito giro.

Um hotel pequenino perto de Sintra.

Um projeto que já tem uma dezena de meses.

Pede-me muitas vezes para colaborar.

Se precisa de um quadro especifico. De um desenho.

Desta vez pediu-me. Azul. E branco. Para ser um tapete.

Descontruído. Nada certinho.

- Surpreende-me.

Desenhei isto.

Ela gostou.

Daqui a uns tempitos será um tapete.

img017 (2).jpg

 Se o encontrarem alguma vez. Pisem-no com cuidado!

 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.