Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Kiosk da Joana

Kiosk da Joana

10$00 de tremoços

11.02.19, Joana Marques
O meu avô era um homem grande. Robusto.Não falava alto mas fazia-se ouvir. Tinha uma voz grave que ecoava pela casa inteira.Tinha um certo medo dele. Não tinha o à vontade que tinha com a minha avó.Não tinha coragem de abrir a boca e dizer quase a chorar:- Ó vó se não tiver o pijama da Abelha Maia, morro.Um drama à escala do meu mundinho pequeno não podia ser partilhado com aquele homem sério e importante.Era a mais nova dos netos. Muitos já eram adultos, interessantes e com (...)

o primeiro amor nunca se esquece

31.01.19, Joana Marques
A Alice começou a frequentar um infantário.Não vai todos os dias. E quando vai é raro ficar mais do que 4 horas.O infantário é mesmo aqui à porta de casa.Sempre que passamos por lá, ela acha que vai ficar lá e reclama quando percebe que afinal não é para lá que vamos.E quando a vou buscar. Vem sempre super bem disposta. Faladora.- Déeeeeee.Muitas coisas não percebo. Mas finjo que percebo tudo.  E ela lá continua...- Bla, bla, bla, bla....déeeeeeeeeeeeee.E ficamos nisto (...)

E eu disfarcei uma lágrima

21.01.19, Joana Marques
Fui com a Alice ao pediatra. Rotina. Para ver se está tudo a correr bem.  Está tudo a correr bem!   Quando lá cheguei estavam uns quantos miúdos a brincar no mini parque infantil que está a um canto da sala de espera. A Alice fez logo sinal que queria ir brincar também. Deixei-a. Agarrou logo nuns cubos e começou a emparelha-los uns em cima dos outros. Juntou-se uma miúda. Reclamação de uma. Reclamação da outra. Gritinho para cá. Gritinho para lá. Lá iam as duas brincando (...)

esta miúda vai-me dar tanto trabalho...

16.01.19, Joana Marques
Desde este post até ao dia de hoje não mudou muita coisa.E para dar este passo foi preciso mentalizar-me bem mentalizada.O passo que dei não foi bem um passo, foi um passinho.Pequenino.Mais pequeno que os passos da Alice. A ideia nunca me seduziu mas era uma questão de tempo.Pelo menos aos 3 anos tinha de ir.A nossa casa tem dois infantários muito perto. Quando passamos por aquele que está mais (...)

entre mãe e filha...

14.01.19, Joana Marques
Acabei de ter esta conversa com a Alice! - Tens fome? Queres uma torrada?A Alice adora pão torrado com Nutella.- Não, mamã. E nisto vira as costas e diz-me...- Adeus! Adeus!- Onde é que tu vais, Alice?- Jantar.A Alice já jantou está quase a ir para a cama. No máximo dos máximos dou-lhe uma fruta ou uma torrada. - Ah! Está bem. Bom jantar! E o que é que vais comer?- Torrada! Há dois anos no Quiosque!

é a vida!

11.01.19, Joana Marques
É a vida! O tempo está frio. É a vida! O abacate está caro mas já foi pior. É a vida! Estou a caminho da obesidade mórbida. É a vida! A Alice não pára de crescer. É a vida! O meu Sporting vai jogar amanhã e eu já sinto um nervoso miudinho a percorrer-me o corpo. É a vida!   Na vida o que não tem remédio. Remediado está.  Sabem o que vos digo? É a vida!   É a vida! É uma expressão que eu uso quando quero dizer que não há nada a fazer. Não controlamos tudo. E o que (...)

em menos de um fósforo..

08.01.19, Joana Marques
No sábado o Pedro trabalhou até às 16h. Era fim de semana mas deixei a Alice de manhã em casa dos meus pais. Quando o Pedro trabalha faço de conta que é dia de semana para mim. Trabalho e faço a folga quando o Pedro a tem. No sábado parei de trabalhar antes da hora de almoço. Os meus tios que moram em Santarém iam almoçar a casa dos meus pais e acabei por me juntar a eles.   No fim do almoço. Disse à Alice. - Vamos embora... ....vai buscar a tua mochila. A miúda nem se (...)

é de pequenino que....

03.01.19, Joana Marques
Desde que sou gente que me lembro de sermos incitados principalmente pela minha mãe a fazer pequenos trabalhos domésticos lá em casa.Dependia da idade, claro!A partir dos 7 anos fazíamos a cama todos os dias mas não a mudávamos.Limpávamos as casas de banho uma vez por semana. Tínhamos um esquema rotativo. Tal como para a loiça. A loiça do jantar era por nossa conta, um lavava, outro limpava e o terceiro arrumava. Mas rapidamente combinámos entre nós que a cada dia um fazia (...)

e isto é um facto inegável. Como 2+2=4!

27.12.18, Joana Marques
Fui buscar-te num dia frio. Muito frio.Faz hoje um ano.Pouco sabia de ti. Sabia que te chamavas Alice. E que tinhas 8 meses.Para mim não foi preciso mais para te amar. O teu avô foi comigo.Vê-lá tu. Eu tinha partido uma perna. E no dia antes de te ter ido buscar tinha ido tirar o gesso.Sentia a perna tão frágil que achei que ainda a perdia pelo caminho. Chegámos cedo. Foram-te buscar.O teu avô queria pegar-te ao colo por causa da minha perna.Eu não deixei. Porque eras minha. E (...)

A minha miúda é.....

14.12.18, Joana Marques
Deve ter sido a fase mais negra da minha existência.Não foi bem a mais negra. Lembro-me de uma em particular em 2014.Pronto! Foi a segunda fase mais negra da minha vida.Quando parti a perna em Amesterdão estava sozinha com o cão.Tive a ajuda preciosa da minha amiga que me ajudou a partir a perna e que muito agradeço.Não agradeço o contributo dado no esbardalhanço mas a assistência e o acompanhamento.O estar só com o cão. Num outro país. E ainda por cima com mobilidade reduzida (...)

Joana. Joaninha. Quem me chama?

13.12.18, Joana Marques
Muitos são os dias em que os meus pais ficam com a Alice e com a prima Margarida.A minha cunhada nem sempre deixa a Margarida nos meus pais, os pais dela moram mais perto e é mais prático deixa-la lá. Mas......eu peço, peço e peço para a deixar com os meus pais. Para a Alice se habituar a partilhar. E perceber que o mundo não gira à volta dela.Se nos brinquedos. Comida. E roupa. Não há grande problema.Tem dias! Mas......normalmente é tranquilo.Com as pessoas é diferente.Se (...)

quem espera. Desespera!

03.12.18, Joana Marques
O Pedro começou a trabalhar na sexta-feira pelas 16h. Saiu do hospital às 8h de sábado. Chegou  a casa mais ou menos às 9h. E foi descansar. Pensávamos nós que íamos ter um fim de semana descansado. Almoçámos calmamente. Mas... ....vida de médico é assim. Ligaram-lhe a perguntar se podia voltar. O Pedro disse que sim, claro.  Deve ter saído de casa pelas 15h.  Voltou pelas 20h. A Alice estava encantada com os primos. E não deve ter ouvido o Pedro chegar. Fui ter com ele à (...)

o teste de gravidez

25.11.18, Joana Marques
Luísa e David são tios do Pedro.Quando nos casámos fomos convidados para a festa que iriam dar em Novembro.Faziam 50 anos de casados.O Pedro conseguiu que no trabalho não o colocassem a trabalhar no dia da festa.Foi ontem. Parecia um verdadeiro casamento.A família é muito grande e foram todos convidados.Começamos com a tradicional comemoração religiosa.Seguiu-se um almoço, lanche e nem sei a que horas acabou.Tínhamos combinado em casa, sairmos se a Alice começasse a dar (...)

Alice. Alice....

21.11.18, Joana Marques
Quando o Pedro chega a casa é uma festa!A Alice corre para ele e agarra-se às pernas.Pede colo.Dá beijinhos. E ele retribui.O pai é só dela! Ninguém pode tocar no pai!Eu bem tento. Dar-lhe um beijinho. Um abracinho. Uma festinha.Nada de nada! A Alice já o roubou. E não o partilha com ninguém.... Ontem, o Pedro chegou.A Alice atirou-se a uma perna.Deu-lhe os braços. E o Pedro pegou-lhe ao colo.Ela deu-lhe um abraço. E ele fez de avião.A Alice no ar. Aos gritos. E às gargalhadas.

as crianças e os cães. As vantagens!

19.11.18, Joana Marques
Dizem os especialistas que as vantagens são muitas. Desde a saúde física à mental.Da saúde física não posso falar. A Alice nunca esteve doente. Não sei se o Vasco terá alguma responsabilidade nisso.Neste ponto, aponto mais para o facto de a Alice ainda não estar num infantário e a alimentação que faz.Mesmo que não tenha nada a ver com a saúde física no resto, só vejo praticamente vantagens.Tantas. Que as desvantagens ficam perdidas e nem têm espaço neste post!  Afetiv (...)