Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quiosque da Joana

Quiosque da Joana

Equipa que ganha não se mexe!

30.03.19, Joana Marques
A minha amiga Maria que acredita em cenas estranhas diz que somos almas velhas e que temos estado juntos desde sempre. Reencarnações atrás de reencarnações. Diz que não pode ter um ano esta relação. Eu não acredito. Acredito sim, que tive uma sorte incrível de o ter encontrado. Algumas pessoas ganham o Euromilhões. Eu tive sempre um azar terrível ao jogo. Ainda bem!   Faz hoje um ano. Faz um (...)

armei-me em egoísta. E abracei-o até ao último segundo....

19.09.18, Joana Marques
No melhor pano cai a nódoa.  Quem diria. Joana, a mulher mais independente do mundo, já não é independente. Já foi. O meu bem estar, está diretamente ligado com o bem estar dos meus. E com a sua presença, ao meu lado.   Deixei-os na segunda feira à noite.  Doeu. Muito. O trabalho assim obriga. Mesmo sabendo que tem de ser, a dor não fica mais aliviada.   Eu sei que ficam bem. Mas deixo o meu coração com eles. E vou em formato robot. Sem alma.   Bruxelas. Ontem. Apresentei (...)

lembrete

14.06.18, Joana Marques
  “If you love, love completely, cherish it, say it, but most importantly, show it.   Life is finite and fragile, and just because something is there one day, it might not be the next. Never take that for granted. Say what you need to say, then say a little more. Say too much. Show too much. Love too much. Everything is temporary but love. Love outlives us all.”   R. Queen  

ninguém pára a Joana...

15.05.18, Joana Marques
A verdade. Verdadinha. É que nos conhecemos faz hoje dois meses. E aos poucos estamos a conhecer a pessoa. Com quem partilhamos a vida. Tem sido tudo pacifico. E fácil. Em alguns aspetos somos muito parecidos. Noutros...andamos em negociações.   O Pedro acha que eu trabalho muito. Eu acho que não. Acho que trabalho o normal. Diz ele que depois de trabalhar 8 horas no hospital (nunca são 8 horas é muito raro o dia que sai a horas...), já não tem vontade de fazer grande coisa. Sã (...)

Pedro. Para onde é que vamos?

02.05.18, Joana Marques
Desde o início dos tempos que não me consigo encaixar no dito "normal". Eu sei que a palavra "normal" pode ser muito vaga. Mas existem padrões. Normas. Comportamentos que consideramos mais habituais do que outros. Por muito que se evolua. Existem comportamentos que atribuímos mais às mulheres. E outros, mais aos homens. Papeis diferentes. Também. Até porque somos diferentes. Alguns mais do que outros. Ao longo do tempo já evoluímos. Mas eu ainda não me encaixo....   Uma (...)

não queremos o Vasco no comando...

30.04.18, Joana Marques
Uma pessoa é pedida em casamento. Os momentos seguintes. Pura felicidade. As horas seguintes. Espetaculares. E no dia seguinte... ....acordei.   Contei a toda a gente. E... - Em Junho? Não vais ter tempo..... - Estão loucos? Como é possível? - O vestido? Achas que num mês consegues um vestido? - Alianças. Não se esqueçam das alianças. - Os convites? - O cabeleireiro? - O fato do Pedro? Vais deixar isso por conta dele? - Onde vai ser? Não vais conseguir quinta. (...)

e o cão abandonou o quarto....

22.04.18, Joana Marques
Tínhamos combinado. Passar o fim de semana no Alentejo. Hoje jantávamos cedo. O Pedro voltava para Lisboa. Amanhã, começa a trabalhar às 8h. Terça também. E sai às 16h. Eu, a Alice e o Vasco. Ficávamos. Por aqui. Ele voltava na terça à tarde. E ficávamos por cá o feriado.   Eu dei a ideia. Ficava na casa dele em Lisboa. Escusava de ir para Cascais e tudo. Porque tenho medo de andar a sufocar o homem. Uma pessoa ouve e vê tanta coisa. Os homens que descompensam quando se (...)

no Alentejo. Ao pôr do sol...

20.04.18, Joana Marques
O dia, ontem, começou bem mas...   O Pedro tinha ficado de ir buscar a Alice a casa dos meus pais. A partir de uma certa hora já só pensava. Na hora em que a Alice e o Pedro chegariam. Eu estava encalhada, em casa, com o Vasco...   O Pedro chegou pelas 19h. Sem a Alice. - Falei com os teus pais. A Alice dorme lá hoje. Nem queria acreditar. Antes de eu começar a resmungar. O Pedro abraçou-me. E disse-me. - É só hoje. Prometo-te que é só hoje. E mais surpreendente ainda. - O pôr (...)